dreduardoaraujopires-tornozelo

dreduardoaraujopires


Entorse do Tornozelo

O entorse do tornozelo é um dos traumas mais comuns no dia-dia de trabalhadores e esportistas de todo mundo, estima-se que 23.000 pessoas torcem o tornozelo todos os dias nos EUA.
O diagnóstico normalmente é confirmado após um trauma torcional do tornozelo na qual não constatamos sinais de fratura do tornozelo no RX.
A ressonância magnética é um exame não obrigatório para dar início ao tratamento do entorse do tornozelo, na entanto é muito realizado pois pode mostrar lesões associadas.
Para saber a gravidade da lesão, classificamos subjetivamente o entorse em 3 graus, sendo o 1º grau o de menor gravidade e o mais comum, na qual representa apenas um estiramento dos ligamentos laterais do tornozelo. O de 3º grau trata-se de uma lesão potencialmente mais grave, de maior energia, na qual o paciente geralmente não consegue suportar o peso do próprio pé, estando relacionado a uma lesão completa dos ligamentos laterais do tornozelo. Contudo, o de 2º grau seria um estado intermediário.
O tratamento do entorse consiste em repouso, analgésicos, gelo e iniciar movimento passivo e ativo o mais rápido possível, sempre respeitando o limiar de dor do paciente. O tratamento para todos os graus é inicialmente não cirúrgico,com exercícios de fortalecimento para o pé e tornozelo associado ao uso de órteses, deixando para realização do tratamento cirúrgico apenas para aqueles que evoluírem com instabilidade do tornozelo e entorses de repetição.

Agendamento de consultas:
(11) 3231-3656 Whatsapp